Estilo e comportamento

O Orgulho de ser livre

Ser considerado “diferente” nos anos 60 era bastante complicado. Naquela época, ser LGBTQI+ era crime na maioria dos EUA, mas as coisas começaram a se modificar no ano de 1969. Muita gente foi presa e agredida nesse esboço de manifestação e as coisas não ficaram magicamente mais fáceis depois disso, mas foi o primeiro passo de uma luta que ainda batalhamos até os dias de hoje.

O que seria do cheer sem elas, as CHEER MOMS?

Em meio a um momento tão delicado para todo o mundo, esse domingo é um momento de alívio, de respirar fundo e lembrar delas, as nossas mães. Elas podem estar perto ou não. Podem estar perto, mas sem abraços e beijos pela segurança delas e pela nossa. Mas a gente sabe que elas são fundamentais e que, sem elas, sem o apoio dessas mulheres, dificilmente teria cheerleading na nossa vida. Hoje o dia é delas. Obrigado, cheermoms!

Instagram did not return a 200.