Campeonato Brasileiro prepara uma edição especialíssima

Mais um ano o Campeonato Brasileiro de Cheerleading fecha a temporada nacional com chave de ouro. A responsabilidade não é pequena: o Raking de toda a temporada será decididos ali, entre algumas das maiores equipes All Star e Universitárias do país.

O palco não podia ser qualquer um. Uma infraestrutura olímpica espera os atletas no próximo sábado, 14/12. E não é a mesma das outras duas edições do campeonato. O Brasileiro se mudou da Arena Carioca 3 para a Arena Olímpica Carioca 1. Maior, com arquibancadas fixas e uma grande área de mezaninos, o espaço é usado por grandes campeonatos, como a Liga Sul-Americana de Basquete.

“A Arena Carioca 1 é uma arena com uma infraestrutura muito maior do que tivemos nos anos anteriores. O cheerleading merece isso, ele carece disso, até mesmo por uma questão de desenvolvimento do esporte”, destaca Lara Magalhães, chefe da equipe de organização do campeonato.

O profissionalismo, um ponto que o evento busca como meta desde a sua criação, veio com força esse ano. Dos Estados Unidos, Lara dirigiu uma equipe ampla com responsáveis por áreas bem divididas como o financeiro, a comunicação e a infraestrutura. “A gente preza muito por ter um campeonato de qualidade em todas as áreas, desde questões de estrutura, passando pela questão técnica, dos jurados, tudo que está no universo do campeonato.
 


Parcerias valiosas

Para construir o evento, Lara conta, além da equipe, com parcerias valiosas. O Campeonato Brasileiro é o único nacional com uma forte parceria público-privada, focando um evento de alto nível.

A parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Esporte abre caminhos para o uso da infraestrutura olímpica e há planos para investimentos conjuntos no cheerleading de base: “Temos uma parceria no âmbito da expansão do cheerleading escolar, que eu acredito muito que precisamos investir. Até então a gente não conseguia ter tanto acesso. Vejo isso com muitos bons olhos e realmente acredito que essa parceria vai durar por muito tempo”, destaca Lara.

Outro parceiro de destaque desse ano é a Golden Cheer Company. A empresa de cursos de coaches e árbitros que tem Gustavo Aguayo, certificado pelo USASF, como instrutor, é um dos parceiros mais próximos da terceira edição do campeonato. Além do curso ministrado na arena no domingo, 15/12, a Cheer Golden Camp vai ter um espaço para shadow judges, oferecido a todos que já fizeram os cursos oferecidos pela empresa. “A gente precisa garantir investimento não só nos coaches, não só nos atletas, mas também na nossa arbitragem. Eu acredito que os brasileiros precisam entender melhor como funciona a arbitragem para que a gente possa ter rotinas com maiores pontuações. Acredito que parte da nossa missão agora, como Campeonato Brasileiro, é ajudar no desenvolvimento da modalidade a nível Brasil. E não só na prática da modalidade para os atletas, mas também investir nos técnicos. Por isso o curso de coaches trazido pela nossa parceria com a Golden”, explica Lara. “Eu queria agradecer muito o Augusto Carrara porque essa parceria só formou mesmo o que a gente prega enquanto instituição esportiva – tanto no caso da Associação Mineira, que vocês vão ter novidades em breve –e a Golden Cheer Company.


Avanços por um campeonato melhor
Na receita do último campeonato de 2019, além de confiança e trabalho de equipe, tem autocrítica. O campeonato levantou pontos fracos da edição anterior e trabalhou em cima deles. “Avançamos na questão de número de árbitros. No primeiro ano tivemos um árbitro. Na segunda edição tivemos dois. Nesse ano receberemos quatro árbitros de nacionalidades diferentes, garantindo a pluralidade da mesa”, conta Lara. O campeonato Brasileiro será arbitrado por, além do chileno Gustavo Aguayo, por Megan Hunter e Chris Mcleod, do Canadá e o americano Shawn Simmons. Chriss foi muito elogiado no ano anterior pelo feedback cuidadoso dado às equipes.

Outro aspecto que merecia melhora e terá esse ano é a alimentação. Em 2018 o número reduzido de opções formou filas consideráveis. “Esse ano a nossa praça de alimentação terá alimentos para todos os gostos, inclusive para os atletas vegetarianos”, conta Lara. “Estamos dando mais atenção aos detalhes e acho mesmo que isso contribui diretamente para a organização de um bom campeonato”, finaliza.


ATENÇÃO:

O Campeonato Brasileiro acontece no próximo fim de semana. Parceiro do Cheer One Channel, o campeonato terá fotos extras, vídeos especialíssimos, entrevistas e fotos pré-rotina no nosso Instagram, cobertura minuto a minuto via Twitter e Facebook, Rotinas no You Tube e Transmissão ao vivo! Fica com a gente!!!!